Aos Mestres, com carinho!

Aos Mestres, com carinho!
Drummond, Vinícius, Bandeira, Quintana e Mendes Campos

segunda-feira, 25 de novembro de 2013

Fogo pelas entranhas



Poema de Nicolau Ponte Preta, publicado no Produção Marginal

Não se iluda comigo
Minha conexão é Banda larga
Odeio Dial-up

Adoro sabotagens

Minha mente é pura trama

Invasões intergalacticas
Viagens exotéricas
Um baseado velho

Tudo isso me excita

E meu coração
De nada se arrepende

Então,
se não pode espantar os lobos ao seu redor
Me entregue o seu corpo
O ofereça a mim em sacrifício

Juro
Te levar ao céu e ao inferno em dois segundos
Pois sou Marte o Deus da guerra

E te farei sentir
Fogo pelas entranhas