Aos Mestres, com carinho!

Aos Mestres, com carinho!
Drummond, Vinícius, Bandeira, Quintana e Mendes Campos

terça-feira, 20 de outubro de 2015

Poema do Sem-teto, poesia de Peu Azevedo



Conheço o céu mais que as estrelas,
Provo da chuva mais que alto mar.
Conheço a solidão mais que o deserto,
Durmo no chão, sem o direito de sonhar.

Sou sólido como rocha,
Mas invisível como o vento.
Meu futuro não é certo,
Certo é que perecerei no esquecimento...