Aos Mestres, com carinho!

Aos Mestres, com carinho!
Drummond, Vinícius, Bandeira, Quintana e Mendes Campos

segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Manual para falar com um depressivo sem tratá-lo como imbecil.


Existe tanto preconceito e ignorância quanto a depressão. Tantas idéias idiotas disseminadas por aí, na TV, nos livros de auto-ajuda, e até nos consultórios de terapeutas. E as pessoas se aproximam de quem está deprimido repetindo baboseiras de auto-ajuda, atitude, e outras mais, sem nenhum respeito pela dor da pessoa que está doente. DOENTE. Não está burra, preguiçosa, sem vontade de melhorar...
Antes de falar com alguém deprimido considere isso:

1-Eu estou deprimido, mas não fiquei burro.
É evidente que ser positivo diante da vida ajuda, é maravilhoso e tudo mais. Mas você acha que eu já não pensei nisso sozinho? Você realmente acha que eu sou burro a esse ponto? Claro que eu já pensei. E também já tentei, com todas as forças do mundo, ser positivo, ter uma atitude positiva. Mas é IMPOSSÍVEL no meio de uma depressão. IMPOSSÍVEL.
O que vc, amigo, acha? Que eu vou dizer: "Cara, eu nunca tinha pensado nisso, ainda bem que você me falou... Claro, é só ter uma atitude positiva e tudo está resolvido. Como você é esperto!!!"
Não trate seu amigo deprimido como um idiota. Ele sabe que ser positivo ajuda, e ele já tentou modificar os próprios pensamentos. Provavelmente ele está vivo falando com você porque - todos os dias - combate os pensamentos de suicídio que invadem sua mente.

2-Você não é especial, ok?
Usar a si mesmo como exemplo para seu amigo deprimido é patético e de um egocentrismo atroz.
"Olha, você tem que fazer como eu, tem que ser positivo, alegre, batalhador, tem que querer, precisa ter vontade..."
O que você acharia, se você estivesse com as pernas imobilizadas, numa cadeira de rodas e eu dissesse:
"Amigo, você tem que andar. Olha como eu faço, fico em pé, coloco uma perna na frente da outra e vou andando. É fácil, mas você tem que querer."
Você acharia que estou  sendo cruel com uma pessoa que está INCAPACITADA de andar? Você acharia que estou sendo um filho da puta, não é mesmo?

Pois é isso mesmo: você está sendo um filho da puta com seu amigo deprimido. Respeite-o. Ele está deprimido e não está achando legal passar por isso. E certamente ele tenta com muito esforço, a todo o momento, transformar o mar de pensamentos negativos que invade sua cabeça em pensamentos bons, positividade, otimismo, bom humor. Mas ele está "na cadeira de rodas", não adianta achar que vai sair andando por milagre. Tem que ver o que há de errado, procurar um especialista, tratar as causas, se medicar e ter paciência.

3- Paciência
Remédios anti-depressivos demoram para fazer efeito. Em geral de 2 a 6 semanas. Isso quando fazem efeito. Muitas vezes eles até pioram a depressão. Aí você tem que trocar de medicamento, esperar fazer efeito. Torcer para que dessa vez o raio do remédio funcione, torcer para não ter efeitos colaterais. É torturante para quem está desesperado por alívio esperar por todo esse tempo, passar por todas as tentativas e erros que fazem parte do tratamento psiquiátrico. É chato, é demorado, é frustrante. Não é um passe de mágica como as pessoas pensam: começa a tomar o antidepressivo hoje, duas semanas depois está saltitando de felicidade. Não torne as coisas piores. Não fiquei perguntando: tá melhor? tá melhor? Tá melhor? Não adianta pressionar, a pessoa não vai melhorar só porque você está cobrando isso insistentemente. Ao contrário, ela vai se isolar, porque não tem coisa pior do que ter que  passar por esse tipo de cobrança o tempo todo.

4- Depressão é uma bosta! 
Tenha certeza, seu amigo odeia estar deprimido. Ele gostaria de estar feliz da vida, cheio de energia, cheio de vontade de viver. E ele certamente tenta, todos os dias, ficar assim, mas não consegue. Porque na depressão você se perde de você mesmo. Você se sente dominado, invadido por pensamentos ruins. E eles são mais fortes do que você. E é ruim, muito ruim. Ninguém que está deprimido está gostando disso. Acredite em mim, depressão maior, aquela depressão forte mesmo, é uma das coisas mais horríveis que uma pessoa pode sentir. Não é a toa que muitas delas preferem morrer a seguir sentindo isso.

5- Pare de cagar regras!
Não tem coisa mais irritante do que uma pessoa olhar pra você, e dizer: você TEM que pensar assim, você TEM que agir assado, você TEM que querer melhorar, você TEM que pensar coisas boas, você TEM que gostar de viver... Ou aqueles que vem com conselhos espirituais, do alto de sua superioridade   cheia de luz, dizem: você precisa cultivar energias boas, você tem que buscar  a luz, a fé... Ou ainda os que são especialistas em tudo: psicanálise é uma perda de tempo, não faça. Terapia, se não resolver em seis meses não resolve mais. Você tem que aumentar a dose desse remédio. Posso falar por todos os depressivos do mundo: cale a sua boca, não fale merda e não venha cagar regras sobre um assunto que você desconhece.

6- Pergunte-se
Antes de dar lição de moral no seu amigo pergunte-se: Eu acredito que depressão é uma doença?  Se a resposta for: "Não acredito muito, acho que se a pessoa quiser messsssmo, ela vence a depressão." ou "Depressão é frescura." ou ainda "Ele está mal porque não faz nada pra melhorar"  é melhor ir ler um livro, pesquisar na internet, lavar a louça, fazer tricô. Faça qualquer coisa, mas deixe seu amigo em paz. Depressão é uma doença tão real quanto câncer, se você não acredita nisso, melhor nem falar com um deprimido, porque você só vai falar bobagem. E pior, você vai ser escroto com alguém que está doente. Não é legal, né?

7- Deixe ele falar em Suicídio 
Isso mesmo. Deixe ele falar, escute e se não souber o que dizer não diga nada, abrace. Entenda que a mente de um depressivo é um pântano assustador nos momentos de crise e que ele pensa um monte de coisas horrorosas. Mas quando ele fala sobre isso dá um alívio, ajuda e, sobretudo, permite que as pessoas saibam como estão esses pensamentos na cabeça dele. Até para ajudarem se for preciso. Muitas vezes a gente fica sabendo de alguém que se suicidou e todos são pegos de surpresa. "Nossa, nunca imaginei que ele pudesse fazer isso, ele nunca deu nenhum sinal..." Pois é, sei que é difícil ouvir que alguém que você gosta está pensando em se matar, mas essa é a única maneira de estar atento e poder ajudar.

8- Não faça terapia de choque
Sabe aquela amigo que chega pra ajudar o amigo que está deprimido e resolve dizer todas as verdades na cara? Eu sei que a intenção pode ser ajudar, mas não vai... Não vai ajudar, não é assim que funciona... A mente de um depressivo em crise vai ouvir tudo que você disser e transformar isso em mais e mais motivos para se sentir um lixo e ficar ainda mais deprimido. Não é uma "sacudida" dessas que vai fazer alguma diferença.