Aos Mestres, com carinho!

Aos Mestres, com carinho!
Drummond, Vinícius, Bandeira, Quintana e Mendes Campos

terça-feira, 18 de agosto de 2015

Eu que já passei pela voragem, poema de Carlos Maia

Minha foto

Eu que já passei pela voragem
De não saber quem sou
E me perdi nas drogas
Buscando um sentido
Pra minha existência.
Hoje digo sim à Vida
E tenho gana de querer vencer
De recuperar o tempo perdido
De acreditar em mim mesmo
Saber que eu posso
Se eu tentar!
De que às vezes uma pequena frase
Pode mudar o seu dia
De que é tão importante o perdão,
A paciência, a compreensão,
O não revidar.
Às vezes é melhor calar.