Aos Mestres, com carinho!

Aos Mestres, com carinho!
Drummond, Vinícius, Bandeira, Quintana e Mendes Campos

quarta-feira, 11 de junho de 2014

INEXISTIR

Futebol na Favela
*Imagem daqui

Há poemas 
Que se negam a nascer
Por inteiro.

Mostram-se apenas um bracinho,
Uma perninha,
Um sorriso.
Apenas o necessário para que nos apaixonemos.

Mas negam-se a nascer...
O motivo?
Sabe-se lá...

Travessuras, talvez.

Tenho vários desses quase rebentos.
Habitam as minhas gavetas,
Dentre os meus livros,
Em folhas amareladas 
E pintadas com meus rabiscos,
A espera que amadureçam.

Mas é inútil.
São travessos.
Apenas pequenos poemas travessos.



(Itárcio Ferreira)